O caminho, por Osho

“O caminho é: observe os seus pensamentos e não se identifique com eles.

Simplesmente permaneça um observador, completamente indiferente, nem contra nem a favor. Não julgue, porque qualquer julgamento traz identificação.

Não diga, ‘Estes pensamentos são errados’ e não diga, ‘Estes pensamentos são bons’. Não faça comentários sobre os pensamentos. Deixe que eles passem, como se eles fossem apenas a passagem do tráfego e você está de pé ali ao lado da estrada despreocupado, olhando o tráfego. Não interessa o que está a passar, um autocarro, um camião ou uma bicicleta. Se puder observar o processo de pensamentos da sua mente com tal despreocupação, com tal desapego, não estará longe o dia em que todo o tráfego desaparece… porque o tráfego somente pode existir se você continuar a dar-lhe energia. Se você parar de lhe dar energia…

E isso é o observar: parar de dar energia para isso, parar a energia que se move dentro do tráfego. É a sua energia que faz aqueles pensamentos moverem-se. Quando a sua energia não os está a alimentar, eles começam a cair, eles não conseguem manter-se em pé por si mesmos.

E quando a auto-estrada da mente estiver completamente vazia, você está dentro.

Isso é o que eu quero dizer quando eu digo ‘Vá para dentro’.
E isso é o que Buda quer dizer quando ele diz: ‘Siga a sua natureza’.”

OSHO

12974279_1330658290284810_7445116829939069940_n

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s